12 de julho de 2017

Girl Boss: Nós podemos


"Dia desses fui na Livraria Cultura buscar um livro que comprei pela internet e aproveitei para dar uma olhada naquela imensidão de maravilhas que sempre encontramos por lá. Escolhi dois para trazer para casa.

O Prazer do Hábito e Girl Boss.

Comecei a ler Girl Boss em um momento bem propício. Junto com uma amiga, naquela mesma época que iniciei a leitura, decidimos abrir uma loja virtual de acessórios.
Conhecia bem por cima a história da Sophia Amoruso e desde que inicie a leitura gostei muito do que estava descobrindo naquele livro.

Mais do que contar a história de vida dela, que para mim é muito digna e muito, muito inspiradora, descobri naquele livro uma forma de incentivo à todas as mulheres que por muitas vezes se sentem sem forças para lutar contra todas as dificuldades que nos são impostas.

Fui me encontrando em cada capítulo que ela escrevia. E fui guardando em mim cada dica que ela dava, cada atitude que ela tomou em busca do que ela acreditava e do que ela queria. Spoiler: Que na verdade nem ela sabia direito né?

Logo em seguida que comecei a ler o livro saiu no Netflix a série original produzida por eles sobre a vida da Sophia. Uma amiga me indicou a série mas disse que tinha achado  fraquinha.

Nas redes sociais li muitas críticas a série e a Sophia. Pessoas falando que ela é arrogante e prepotente. Que a vida dela não era nada digna de toda a aclamação que tem.

Discordei de imediato e por isso, nem assisti a série. De repente ainda assista antes que tirem do Netflix.

Ainda indico muito que todos leiam Gil Boss.

Muito mais do que a história da Sophia e toda a sua busca por encontrar algo que a fizesse feliz profissionalmente ela nos ensina que vale sim a pena acreditar no nosso potencial e, que tudo que queremos, podemos sim. Podemos ser a Girl Boss da nossa vida. Está nas nossas mãos!

Leiam Sophia Amoruso. Leiam Girl Boss.


Seja a Girl Boss da sua própria vida!!!"

Escrito por Helena de Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário